Nestlé vai reutilizar seus resíduos de café para gerar biomassa

Grãos de café para biomassa

17 milhões de euros planejam investir a Nestlé em sua fábrica em Girona, na Espanha, para construir uma caldeira de biomassa, usar grãos de café como biocombustível e obter vapor de processo. Assim, na sua cadeia de produção, será abastecido com energia renovável e reduzirá o consumo de gás natural na fábrica em vinte e cinco por cento.

Com essa inovação, a Nestlé calcula que sua nova caldeira renovável começará a operar no mês de junho de 2020 e irá gerar 125.000 toneladas de vapor por ano. Em consonância com as políticas da Economia Circular, a fábrica produz cerca de 45.000 toneladas de borras de café por ano e espera-se que 80% sejam utilizadas para produção de energia.

Assim, a Nestlé se une a outras fábricas de café na Espanha, como a Seda Liofilizada, que já utiliza biomassa em seus processos, ajudando de forma muito importante no controle do gasto energético da empresa, reduzindo consideravelmente o consumo de gás natural, um custo de combustível fóssil. variável e dependente da situação internacional, e que também afeta negativamente o Efeito Estufa e a Mudança Climática.

fonte:

https://elintransigente.com/
https://www.energias-renovables.com